strong, b { font-weight: 700; } -->
--- menu fixo original ---

[RESENHA] Até você saber quem é, de Diogo Rosas G.



Eu sempre digo que um final, para mim, pode fazer valer todo o livro. Por mais chato que seja o início ou desanimador o meio da leitura, quando chego ao final e encontro algo grandioso a obra toda ganha um valor maior. Até você saber quem é se não te conquistar no início com certeza vai te conquistar no fim.

A obra de estreia de Diogo Rosas G. no mundo literário vai contar a história de Daniel, um jovem que resolve escrever um livro sobre o Demônio, o qual mais tarde ganha o título "Diálogos do castelo". A ideia surge a partir da leitura do Grande Sertão Veredas, do Guimarães Rosa (que eu não li inteiro, apenas uma parte para a faculdade, julguem-me), que Daniel relê a fim de estudar a abordagem da figura demoníaca pelo clássico da literatura brasileira. Depois de muitas anotações e muitas reflexões, o personagem chega a conclusão de que Guimarães Rosa não criou uma história que abordasse de forma satisfatória a entidade das trevas. Por isso Daniel se lança o desafio de escrever algo maior que Grande Sertão Veredas e mais demoníaco.

Até você saber quem é é narrado por Roberto, que por motivos - explicados apenas ao final do livro - resolve escrever a biografia de Daniel, seu melhor amigo. Sim, é um meta livro. Um livro de ficção escrito por Diogo Rosas G., que é narrado em forma de biografia por Roberto, um personagem que fica no limiar entre protagonista e coadjuvante; que por sua vez conta a história de Daniel, um escritor que lança sua primeira obra literária ("Diálogos do castelo"). Desde o início, Roberto dá um mistério para obra toda ao mencionar, casualmente, sobre uma grande tragédia envolvendo os dois amigos. É por meio das palavras desse narrador que vamos conhecendo melhor a figura excêntrica de Daniel, vendo sua transformação em escritor amador cheio de vida a um renomado nome da literatura sem vitalidade.

"Suas palavras machucavam como uma arma Hoje sei que ele brandia essa arma convicto de que algo em si corria perigo mortal, o que provavelmente era verdade." (p. 167)

Daniel é um cara introspectivo e inteligente, que raramente fala de seus sentimentos ou assuntos pessoais. Um cara que, desde início, demonstra um desequilíbrio psicológico e tendências maníaco depressivas, provavelmente justificadas por pais autoritários e exigentes que nunca estavam satisfeitos com as decisões de seu filho. Com o passar dos anos, Daniel começa a projetar toda a sua amargura e frustrações, guardadas durante tanto tempo, na cidade em que mora, a Curitiba do final dos anos 80. Abandonar a capital e ir morar em outro lugar passa a ser uma obsessão para o protagonista e sua sina.

Desta forma, Curitiba também pode ser considerada um personagem do livro de Diogo, pois é tão presente e descrita com muita vitalidade. Em Até você saber quem é temos a presença de algumas celebridades literárias nacionais e também contextualiza a história do Brasil, indo do fim da Ditadura Militar, passando pelo impeachment do Collor e à eleição de Fernando Henrique Cardoso à presidência. É um livro muito interessante, com uma narrativa que te abraça -consequência de um texto escrito com qualidade, um enredo sombrio e muito bem pensado. A narrativa, porém, é lenta e pode desagradar alguns leitores que curtem muita ação, mas adianto que o final faz valer todo o livro (tio Stephen King aplaudiria o desfecho de pé).

A obra de Diogo Rosas G, na verdade, é uma grande travessia. Travessia de Daniel para fazer algo grandioso e fugir de sua tão desprezada Curitiba. Travessia do Roberto que viveu à sombra de seu melhor amigo até mesmo depois de uma grande tragédia. Travessia do autor Diogo Rosas em completar seu primeiro livro e travessia do leitor ao poder desfrutar do livro completo. O importante é que, depois de uma grande travessia, todos ganham experiências, aprendem, erram, julgam, encontram-se ou se perdem.

CONVERSATION

2 comentários:

  1. Oi Babi, tudo bem?
    Uau que resenha incrível!
    Achei tudo tão interessante como é retratado esses assuntos e acho tão interessante quando fazem um livro dentro do livro ou algo do gênero...
    Parabéns ^^
    Bjs!

    -Ricardo, Lapso de Leitura

    ResponderExcluir
  2. Vendeu bem... Colocarei na lista :)

    ResponderExcluir

Voltar
ao topo